sexta-feira, 2 de junho de 2017

PF sai às ruas para prender 5 em nova fase da ‘Sermão aos Peixes’

Polícia Federal. Foto: Luís Cardoso
O Informante – A Polícia Federal (PF) deflagrou, na tarde desta sexta (2), a 4ª fase da Operação Sermão aos Peixes, batizada “Rêmora”, para apurar os indícios de desvios de recursos públicos federais destinados ao sistema de saúde do Estado do Maranhão, os quais eram geridos pelo Instituto de Desenvolvimento e Apoio à Cidadania (Idac), uma OSCIP (organização da sociedade civil de interesse público), teoricamente sem fins lucrativos.

A ação conjunta conta com a participação do Ministério Público Federal (MPF), do Ministério da Transparência, Fiscalização e Controladoria-Geral da União (CGU) e da Receita Federal.

Os policiais saíram às ruas para cumprir 19 mandados judiciais, que foram expedidos pela 1ª Vara Criminal Federal da Seção Judiciária do Maranhão, sendo: 4 mandados de prisão preventiva, 1 mandado de prisão temporária e 9 mandados de busca e apreensão.

Além disso, foi determinado bloqueio judicial e sequestro de bens num total que supera a cifra de R$ 12 milhões.

Os desvios investigados teriam ocorrido entre os anos de 2010 e 2014, na gestão da ex-governadora Roseana Sarney Murad e de seu secretário de Saúde Ricardo Jorge Murad (cunhado da ex-governadora).

Desdobramentos: Polícia Federal tranca presidente estadual do PSDC no Maranhão e dá voz de prisão


Aragão, presidente do PSDC e dono do IDAC, sendo preso pela PF
O presidente estadual do PSDC no Maranhão e dono do Instituto de Desenvolvimento e Apoio à Cidadania – IDAC, Antonio Aragão, foi preso na tarde de hoje, dia 2, pela Polícia Federal, durante a Operação Rêmora.

Aragão foi preso próximo de casa, no bairro da Cohama, onde também fica a sede da PF. Em carro descaracterizado, agentes federais trancaram o veículo do dono do IDAC e deram voz de prisão.

Os veículos chegaram a bater, conforme mostra a imagem acima.

Antonio Aragão é acusado de desviar milhões da saúde pública do Maranhão, os quais deveriam ser empregados, com exclusividade, na administração de diversas unidades hospitalares estaduais.

Ele e mais outros dirigentes do IDAC serão encaminhados ao Complexo Penitenciário de Pedrinhas.

Fonte: Luís Pablo

VÍDEO! Veja apreensão de dinheiro vivo na sede do Idac



VÍDEO! Funcionário do IDAC foi preso com R$ 71 mil em dinheiro vivo em SLZ



Vídeos: Gilberto Léda


0 comentários:

Postar um comentário

Fique à vontade, sua opinião é livre e de grande importância; contudo é de inteira responsabilidade do leitor e não representa a opinião do editor deste blog. Prezamos pela ética e pudor. Os comentários serão publicados em até 24 horas após análise.

Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o e-mail: imprensa@fernandomelo.blog que iremos avaliar.