quinta-feira, 29 de novembro de 2018

Perigo na MA-012 entre Cariri e Poção de Pedras


Mal choveu e a MA-012, no trecho que compreende Igarapé Grande à Esperantinópolis, já revela sua trágica face, que além de estar repleta de buracos, aos poucos mostra emboscadas e fossos ocultos.

Não é a primeira vez que o blog relata o péssimo estado das rodovias estaduais que interligam as cidades de nossa região. Entre Cariri e Poção de Pedras fizemos o registro desse abismo que está tomando a margem da estrada; as manilhas foram levadas pela enxurrada e o pouco que sobrou da camada asfáltica está estreitando cada vez mais, sem falar da erosão que causa precipício por debaixo, podendo ceder com o mínimo peso. Uma verdadeira armadilha principalmente para quem desconhece o trecho e transita à primeira vez.


Recentemente a SINFRA-MA comunicou em nota que iniciará uma operação tapa-buraco nos próximos dias. No entanto, a exemplo das diversas ocasiões em que foi simplesmente “jogado” o asfalto nos buracos, estes se abriram maiores. Os moradores reivindicam um serviço completo, em que o governador terá a oportunidade de honrar as promessas de antes de campanha e mostrar se de fato aplica nossos impostos devidamente.

Talvez os responsáveis desconheçam, mas faz-se necessário a execução de uma recuperação integral desta rodovia, que deverá ligar-se aos 52 km de São Raimundo do Doca Bezerra à Barra do Corda, aumentando consideravelmente o fluxo de caminhões pesados por estas bandas. Esperamos, enquanto moradores, que seja feito a terraplanagem e recapeamento da malha asfáltica em todos os trechos que arruinaram-se, com os devidos reparos de bueiros e aterros nas margens que sofreram erosão.

Faça um serviço que preste, governador!




Um comentário:

  1. Fernando, não dá pra identificar com exatidão o local da cratera. Por favor, onde é?

    ResponderExcluir

Fique à vontade, sua opinião é livre e de grande importância; contudo, é de inteira responsabilidade do leitor e não representa a opinião do editor do blog. Prezamos pela ética e pudor. Os comentários serão publicados em até 24 horas após análise.