terça-feira, 20 de agosto de 2019

Sequestrador de ônibus é morto por atirador de elite na Ponte Rio-Niterói



RIO DE JANEIRO - O sequestrador que fez 37 reféns dentro de um ônibus por três horas e meia na Ponte Rio-Niterói, nesta terça-feira (20), foi morto. Por volta das 9h, o criminoso foi baleado por um atirador de elite ao descer do veículo.

O porta-voz da Polícia Militar (PM) do Rio de Janeiro, coronel Mauro Fliess, confirmou a informação. Pelo Twitter, a PM informou que a ocorrência foi encerrada sem vítimas entre os reféns.

A arma que ele portava era de brinquedo. Nas primeiras horas da manhã, a Polícia Rodoviária Federal e a Polícia Militar tentaram negociar com o sequestrador, que está armado e com gasolina.

Seis pessoas chegaram a ser liberadas. O ônibus sequestrado é da Empresa Galo Branco, Linha 2520, que faz o trajeto Jardim Alcântara, em São Gonçalo, até o Estácio, no centro da capital.

Após a morte do criminoso, todos os reféns foram liberados. O sequestro começou pouco antes das 6h e interditou a ponte nos dois sentidos.

Vídeo



Do Imirante

0 comentários:

Postar um comentário

Fique à vontade, sua opinião é livre e de grande importância; contudo, é de inteira responsabilidade do leitor e não representa a opinião do editor do blog. Prezamos pela ética e pudor. Os comentários serão publicados em até 24 horas após análise.