sábado, 6 de junho de 2020

Secretaria de Educação de Esperantinópolis discute estratégias para trabalhar aulas não presenciais durante a pandemia do Covid-19


Frente ao momento por qual estamos submetidos, a equipe de coordenação Pedagógica da Secretaria de Educação de Esperantinópolis, está realizando um plano de ação para oferecer atividades remotas aos estudantes para assegurar o direito de aprendizagem dos alunos da rede municipal mesmo durante o período de suspensão de aulas. A equipe é dirigida pelo Secretário de Educação Raimundo Corrêa e sua adjunta Simone Vargas, contando com todo o apoio pedagógico de sua equipe de Cordenação das professoras Maianny Soares, Poliana Oliveira, Edna Araujo, Graciete Ludugério e Ranilde Rodrigues e do Suporte Técnico de João Israel.

Na tarde desta quarta-feira, 04 de junho, a equipe mobilizou-se através de video conferencia a tratar e dar rumos ao novo plano de ação, onde dará um direcionamento daquilo que o professor pode fazer em tempos de pandemia, nada mais é que uma programação de atividades com as escolhas de estratégias para melhor auxiliar o professor, já que não se sabe quando acontecerá um retorno presencial dos alunos na escola de forma segura.

Pensando nisto, a Secretaria Municipal de Educação de Esperantinópolis considera que os estudantes não podem ficar tanto tempo sem o vínculo com a escola, com seus professores e o contato com a aprendizagem, conforme estabelecido nas “Diretrizes pedagógicas para realização das atividades não presenciais dos estabelecimentos de ensino de tempo parcial da rede estadual de educação do Maranhão”, bem como na CI Circular nº 24/2020/SAGEA/SEDUC, o registro de atividades e aulas remotas não poderia exceder o total de 25% da carga horária anual de cada componente curricular, além do respaldo do Processo: 23001.000334/2020-21, Parecer: CNE/CP 5/2020 Comissão: Luiz Roberto Liza Curi (Presidente), Eduardo Deschamps e Maria Helena Guimarães de Castro (Relatores) e Ivan Cláudio Pereira Siqueira (membro), houve-se a aprovação da Reorganização do Calendário Escolar e da possibilidade de cômputo de atividades não presenciais para fins de cumprimento da carga horária mínima anual, em razão da Pandemia da COVID-19.

Com isso, a Secretaria Municipal de Educação de Esperantinópolis disponibiliza a equipe para acompanhamento, além de auxílio para as unidades escolares, respeitando todas as orientações exigidas pelo Ministério da Saúde. O Secretário municipal em sua fala nos lembra bem que não podemos ficar parados neste momento, devemos nos esforçar para que os laços de aprendizagem e interação não se percam, e reforça ainda que sua adjunta, Simone Vargas concorda com a fala do secretário e pondera que a situação é delicada, mas que com os esforços dependerão da atuação e da criatividade de cada docente, e por fim a Coordenadora Maianny soares, ressalta que a situação não é fácil, que a secretaria estará auxiliando nesta situação atípica e que por mais que tenhamos meios para usar da tecnologia, nada substitui o contato com o aluno, educação é uma coisa de pele.

Assecom 


0 comentários:

Postar um comentário

Fique à vontade, sua opinião é livre e de grande importância; contudo é de inteira responsabilidade do leitor e não representa a opinião do editor deste blog. Prezamos pela ética e pudor. Os comentários serão publicados em até 24 horas após análise.

Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o e-mail: imprensa@fernandomelo.blog que iremos avaliar.