segunda-feira, 13 de julho de 2020

Setenta pessoas são presas por participarem de rinha de galo em Grajaú



A Polícia Civil prendeu, na tarde de sábado (11), 70 pessoas que participavam de rinhas de galo no município de Grajaú, a 580km de São Luís. A operação policial foi realizada na Chácara São Jorge, dentro do Povoado São Raimundo, e resgatou 80 aves, que apresentavam sinais de mutilação e foram entregues aos cuidados da Secretaria Municipal do Meio Ambiente de Grajaú.

De acordo com a Polícia Civil, a chácara reunia organizadores de rinhas, criadores de animais, apostadores e espectadores, inclusive de outros estados e municípios. Com os presos, os policiais apreenderam esporas, biqueiras de aço, jaulas, bolsas de transporte, seringas, serras, gaiolas, ringues e 15 veículos.

Os detidos na chácara foram autuados por crime ambiental e por promoverem aglomeração de pessoas em meio à pandemia do novo coronavírus (Covid-19) no Maranhão.

Imirante.com



0 comentários:

Postar um comentário

Fique à vontade, sua opinião é livre e de grande importância; contudo é de inteira responsabilidade do leitor e não representa a opinião do editor deste blog. Prezamos pela ética e pudor. Os comentários serão publicados em até 24 horas após análise.

Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o e-mail: imprensa@fernandomelo.blog que iremos avaliar.