terça-feira, 25 de agosto de 2020

Se a eleição fosse hoje, Rigo Teles seria eleito prefeito de Barra do Corda com votação esmagadora, aponta INOP

 


Por Minuto Barra

O Instituto Nacional de Opinião Pública (INOP) divulgou nesta terça-feira (20) os números da pesquisa eleitoral realizada no município de Barra do Corda para prefeito e vereador no que se refere as eleições de 2020.

A pesquisa ouviu 500 eleitores nas zonas urbana e rural entre os dias 20 a 25 de agosto e sua margem de erro é de 3,5% para mais ou para menos. O grau de confiabilidade da pesquisa é de 95%.

A pesquisa encontra-se registrada no Tribunal Superior Eleitoral sob o número MA- 08038/2020. O estatístico responsável é Vitor Emmanuel Bouças da Silva.

Segundo a Pesquisa INOP, se a eleição fosse hoje, Rigo Teles seria eleito o novo prefeito de Barra do Corda com mais de 20 pontos de diferença contra o segundo colocado.

Na pergunta espontânea, ou seja, naquela em que os pesquisadores não falam o nome dos pré-candidatos e o eleitor fica livre para dizer o nome de quem bem ele deseja, Rigo Teles é o preferido perante o eleitorado em Barra do Corda. Rigo Teles lidera disparado com 39,80%, em segundo lugar aparece Leandro Sampaio (filho de Avelar) com 17,60%.

Na pergunta estimulada, ou seja, naquela em que o pesquisador fala para o eleitor os nomes dos pré-candidatos, Rigo Teles é o preferido e pontua com 46,80 e em segundo lugar Leandro Sampaio que aparece com 20,20%. Ou seja, Rigo Teles lidera com 27 pontos.

O Partido Solidariedade aliado do prefeito Eric Costa tentou na Justiça eleitoral barrar a divulgação dessa pesquisa.

O juiz Queiroga Filho rejeitou o pedido do partido aliado de Eric Costa e disse não encontra indícios de irregularidades no registro da pesquisa INOP.


0 comentários:

Postar um comentário

Fique à vontade, sua opinião é livre e de grande importância; contudo é de inteira responsabilidade do leitor e não representa a opinião do editor deste blog. Prezamos pela ética e pudor. Os comentários serão publicados em até 24 horas após análise.

Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o e-mail: imprensa@fernandomelo.blog que iremos avaliar.