sexta-feira, 19 de fevereiro de 2021

Câmara de Poção de Pedras volta do recesso e retoma os trabalhos legislativos

 

Plenário da Câmara Legislativa de Poção de Pedras

Após o recesso de começo de ano, a Câmara Legislativa de Poção de Pedras voltou aos trabalhos em sessão inicial realizada nesta sexta-feira (19).

A sessão foi conduzida pelo novo presidente Mano Lima (biênio 2021-2022) e teve ausência de três vereadores.

Mano apresentou a criação das comissões que integrarão a legislatura; a indicação do nome do vereador Mateus Croá pelo prefeito para ser o líder de governo; e abriu o grande expediente.

Estreando pela primeira vez na tribuna depois de empossados, alguns dos vereadores propuseram requerimentos que contemplam desde a situação precária de algumas estradas vicinais a reformas de prédios.

No final foi servido um lanche.

Presidente Mano Lima terá a árdua missão de assegurar o clima amistoso e conduzir as sessões 

Análise política

O editor e analista político deste blog avalia as perspectivas para os próximos anos. É provável e até natural que algum vereador de oposição troque de lado e passe a levantar a bandeira governista, tomando em consideração as questões de pressão interna, financeira ou de subsistência, caso não tenham forças com suas demandas diante da maioria aliada ao prefeito.

Mas a cartilha não será bem assim com relação aos vereadores Daniele Brasil, Sônia Croa e Ray Silva. Eleitos para seus primeiros mandatos, percebe-se que pela primeira vez, depois de muitos anos, o prefeito terá de lidar com uma oposição aguerrida, que não se curva, marcando colado, formada de pessoas jovens e chegando com todo gás a cobrar melhorias. E sem dúvidas, ajudam muito mais o prefeito a acertar.

Hoje já se falou a despeito da ausência do prefeito: “muitos dias fora de Poção de Pedras; não fez questão de comparecer para prestigiar os vereadores no início dos trabalhos, enquanto que nas cidades vizinhas foi diferente. (...) Quiséramos que Poção de Pedras não mais tivesse prefeitos aventureiros, que ganham e desaparecem depois de eleitos...”, beliscou um dos edis. 








Local: Poção de Pedras, MA, 65740-000, Brasil

3 comentários:

  1. Q todos os veriadores não so cobre do prefeito más q todos juntos possam trabalhar

    ResponderExcluir
  2. O mas o vizinho deles é seu duta

    ResponderExcluir
  3. É talvez o povo busque acordar e comece a cobrar mas dos administradores .do nosso município.

    ResponderExcluir

Fique à vontade, sua opinião é livre e de grande importância; contudo é de inteira responsabilidade do leitor e não representa a opinião do editor deste blog. Prezamos pela ética e pudor. Os comentários serão publicados em até 24 horas após análise.

Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o e-mail: imprensa@fernandomelo.blog que iremos avaliar.