quinta-feira, 18 de março de 2021

“Prefeitura está querendo apropriar-se da frente de nossas casas”, denunciam moradores do bairro Jerusalém

 

A mureta será construída a partir dessa coluna de concreto, passando por frente das casas.

Os vereadores Ray Silva e Daniele Brasil foram chamados nesta quinta-feira (18) por moradores de uma rua, no bairro Jerusalém, em Poção de Pedras, para apurar denúncia que a Prefeitura teria dado início, arbitrariamente e sem comunicação prévia, a construção de uma mureta de contenção, e que a obra apropriaria parte dos terreiros de frente às casas.

“Inicialmente a construção não iria prejudicar, pois estava no limite certo da rua, e estava sendo executada para conter a erosão e desmoronamento, mas hoje pela manhã o encarregado da Prefeitura determinou que os baldrames deveriam ser mais recuados, passando por cima de nossos terreiros e quebrando nossas calçadas”, relata uma das moradoras.

Os vereadores tentaram intermediar um comum acordo, mas sem sucesso. Em seguida foram até a Prefeitura a fim de tentar uma solução, e caso houvesse recusa, irão levar o caso ao Ministério Público.

Em tempo, a referida rua dá acesso à garagem do ex-prefeito Júnior Cascaria (ainda hoje prefeito de fato), por onde entram seus caminhões pesados, e houve denúncias, à época, que metade desta rua teria sido obscuramente apropriada para construção da entrada desta garagem que é de fundo com o quintal da casa do ex-prefeito.

Veja o vídeo


______________





Local: Poção de Pedras, MA, 65740-000, Brasil

4 comentários:

  1. Parabéns vereadores e moradores ����

    ResponderExcluir
  2. Essa rua Caacaria já tomou pra si há mais de 8 anos, agora está querendo tomar outra!!! Vai ser morto de forme por terra no cemitério compadre Cascaria!!!

    ResponderExcluir
  3. Aí é dele rapaz deixa de ser besta

    ResponderExcluir

Fique à vontade, sua opinião é livre e de grande importância; contudo é de inteira responsabilidade do leitor e não representa a opinião do editor deste blog. Prezamos pela ética e pudor. Os comentários serão publicados em até 24 horas após análise.

Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o e-mail: imprensa@fernandomelo.blog que iremos avaliar.