sexta-feira, 25 de junho de 2021

Exame de DNA garante a inocência de poção-pedrense preso suspeito de estupro e homicídio contra criança em GO

Homem havia sido preso pela Polícia Civil semana passada, no povoado Lago do Baiano em Poção de Pedras


Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (DEAM) de Catalão. (Foto: Reprodução)

A Polícia Civil do Estado de Goiás, através da Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (DEAM) de Catalão-GO, divulgou nota na tarde desta sexta-feira, 25, referente a prisão temporariamente de um suspeito preso pela Polícia Civil em Poção de Pedras, no Maranhão, no último dia 16/06 (reveja). O homem era investigado pelo crime de estupro e homicídio contra a criança Iasmim Martins S. Silva.

Conforme nota, foi coletado material do suspeito e submetido a Exame de DNA junto ao Laboratório de Biologia Forense do Instituto de Criminalística da SSP/GO, cujo resultado foi negativo, ou seja, tal investigado NÃO é o autor do crime.

Ainda segundo a nota, já tendo sido solicitado ao Poder Judiciário local sua colocação em liberdade.

A nota finaliza que a Polícia Civil continuará com as investigações objetivando identificar o autor deste crime.

Confira abaixo nota oficial da DEAM:

"A Polícia Civil do Estado de Goiás, através da DEAM de Catalão, informa que o indivíduo então investigado, preso temporariamente no Maranhão na semana passada e recambiado para o Estado de Goiás, foi submetido a Exame de DNA junto ao ao Laboratório de Biologia Forense do Instituto de Criminalística da SSP/GO, cujo resultado foi negativo, ou seja, tal investigado NÃO é o autor do crime de estupro e homicídio contra a adolescente Iasmim Martins S. Silva, já tendo sido solicitado ao Poder Judiciário local sua colocação em liberdade.

Ressaltamos que a Polícia Civil continuará com as investigações objetivando identificar o autor deste crime e reiteramos à comunidade local a importância de se fazer denúncias, inclusive anônimas, que possam levar a autoria deste e de outros crimes."

Reveja reportagem da TV Rio Flores (Pedreiras) sobre a prisão do homem


* Com informações de Zap Catalão


Um comentário:

  1. E agora como fica???
    Um inocente acusado de tal crime, um trabalhador honesto, tirado da sua própria casa, sua mãe idosa de 85 anos, com problema de coração passou mal vendo seu filho sendo levado preso, podendo ter perdido sua vida no presídio... e agora como fica a situação desse homem???

    ResponderExcluir

Fique à vontade, sua opinião é livre e de grande importância; contudo é de inteira responsabilidade do leitor e não representa a opinião do editor deste blog. Prezamos pela ética e pudor. Os comentários serão publicados em até 24 horas após análise.

Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o e-mail: imprensa@fernandomelo.blog que iremos avaliar.